sábado, 12 de julho de 2014

Descobri a arte e os materiais de Marcello Barenghi!

Olá artistas e arteiros de plantão!

Faz algum certo tempo que venho sendo marcada em vídeos de desenhos incríveis e hiperrealistas. Fui pesquisar e descobrir que todos são do mesmo artista, Marcello Barenghi.




( Se no seu Android o vídeo não abriu, o endereço do vídeo é este aqui https://www.youtube.com/watch?v=EuBiaRO8QOk&list=TLb1ofL8D0Hk0rXu39viX9wfIbALsML2A_ )

Ele nasceu em Milão, na Itália e começou como a maioria, usando lápis de cor. Porém com o tempo começou a procurar outras técnicas principalmente para pintar áreas maiores, quando acabou descobrindo a técnica de aquarela e aerografia.

Em seus vídeos ele acelera as imagens e nem sempre conseguimos ver quais materiais foram usados...mas para a felicidade geral minha e da nação artística ele fez uma página  apresentando seus materiais e que eu vou reproduzir e explicar aqui para vocês. Quem quiser ver o original clique aqui.  


Que eu já comentei aqui no blog, mas não é igual ao meu, é muuuuuuito melhor.
É o lápis de cor da Caran D'Ache Supracolor, e, pra humilhação geral dos pobres brasileiros, de 120 cores! (eu nunca vi uma  papelaria perto da minha casa vendendo lápis de cor com mais de 48,kkkk)

Ele usa mais em detalhes, já que a base ele pinta com aquarela líquida Ecoline da marca Talens. Nunca usei ela, mas amigos artistas disseram que ela é muito boa e mais fácil de se trabalhar. O duro é o precinho, em média R$25,00 cada cor.






Para usar tinta ele precisa de um papel resistente. Marcello usa um papel vegetal, que pelo pesquisei semelhante ao papelão paraná aqui do Brasil. Não sei se me arriscaria a fazer no papelão, mais quem quiser arriscar... #ficaadica#





Esta parte foi a que mais gostei! Fiquei doida tentando ver a marca das canetas hidrográficas nos vídeos que ele usa em contornos e para marcar e definir sombras mais profundas. O melhor é que são marcas que encontramos no Brasil, a Staedtler e Stabilo.

Aquele brilho dos metais incríveis ele usa caneta gel da Pentel na cor branca principalmente. Também nunca usei, só usei dourada e prata. Acho que ajudam muito nos detalhes.

Da Faber-Castell ele usa uma linha de canetas chamada Pitt artist pens. Essa eu tenho uma e posso afirmar, são excelentes pessoal! Tô devendo resenha delas aqui no blog para vocês!





Essas para mim foram total novidade! São as canetas Letraset. Elas podem ser recarregadas. Não achei o preço no Brasil mais não devem ser baratas não,kkkkk. Não tenho certeza, mas acho que as da Copic e Posca podem ser possíveis substitutas.

Para desenhar e sombrear ele usa lápis B, 7B e 9B da Caran D'Ache.

Ele além de misturar todos materiais usa o aerógrafo.


Imagem Wikipédia


 Para você que não tem a mínima ideia do que é isso, é um método onde usamos uma caneta que tem um depósito de tinta líquida (caneca de tinta) que é expelida pela pressão do ar, feita com um compressor, processo parecido com os sprays de tinta. É uma técnica boa para conseguir sombreamentos e preencher grandes áreas do desenho. 


Resumindo o processo...

Ele desenha com lápis grafite ou marca com lápis de cor, depois pinta as áreas maiores com aquarela e marcadores. Termina os detalhes com caneta gel, canetas hidrográficas e lápis de cor e sombras com aerógrafos.

Então não fiquem tristes se seus desenhos não ficam tãoooo hiperrealistas quanto o de Barenghi. Ele estudou muito para chegar nestes resultados porque dominar todas estas técnicas e conseguir comprar todos estes materiais não é para qualquer iniciante. 

Espero que tenham gostado e que ajude a vocês. Recomendo muito visitar o canal dele, é ótimo! O nome é Italian Art.

Até a próxima pessoal!

3 comentários:

  1. Gente consegui achar o tipo de papel que o Marcello Barenghi usa em seus desenhos é o papelão holler cinza, vende no mercado livre.

    ResponderExcluir
  2. Visitem meu canal no YouTube ... LUCDRAW... mas não dêem risada prease!!!! Gosto muito de desenhar mas não tenho curso ainda!

    ResponderExcluir